Uma linha de vida é um sistema antiquedas de uso obrigatório em determinadas situações de trabalho em altura. Essas linhas de vida podem ser de diferentes tipos, classificando-se de acordo com sua orientação (horizontais ou verticais), sua versatilidade (se são rígidas ou flexíveis) ou sua temporalidade (se são temporárias ou permanentes).

Da LuxTop, convidamos você a conhecer a legislação vigente que se aplica a esses sistemas antiquedas e aos trabalhos em altura.

Trabalhos em altura: o que são, fatores de risco e regulamentação

Antes de esclarecer qual é a sua regulamentação, é mais importante definir o que se entende na Espanha por trabalhos em altura.

Em nosso país, a definição legal de um trabalho em altura é aquele realizado a mais de 2 metros de altura em relação ao nível do solo. Portanto, os trabalhos em altura são aqueles executados em um local acima do nível de referência, sendo esse nível a superfície sobre a qual um trabalhador pode cair e sofrer danos. Por exemplo: trabalhar em telhados, coberturas de edifícios, em escadas, buracos, esgotos, minas…

Os fatores de risco mais comuns nos trabalhos em altura que podem resultar em quedas incluem a falta de formação, utilização inadequada de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), falta de pontos de ancoragem, queda de materiais, contatos elétricos, fadiga, corte… Logicamente, é necessário adotar medidas específicas de prevenção de acidentes e segurança, como sistemas de fixação, retenção, anti-queda, suspensão, linhas de vida…

Além disso, conforme indicado pela normativa de trabalho em altura, é fundamental compreender a obrigatoriedade e a necessidade de fornecer ao trabalhador uma formação teórica e prática adequada. Isso ajudará a evitar estatísticas como as de 2020: dos 780 trabalhadores que faleceram em acidentes de trabalho, a queda em altura foi a terceira causa de morte.

Qual é a regulamentação para trabalhos em altura?

Os EPIs contra quedas de altura são da categoria III, portanto, no equipamento deve constar a marcação CE seguida do número de identificação do organismo notificado que participe no procedimento de conformidade com o tipo.

Além disso, também existem normas UNE de referência.

  • UNE EN 353: estabelece as instruções que os dispositivos antiqueda devem seguir. Divide-se em dois, dependendo se a linha de ancoragem é flexível ou rígida.
  • UNE EN 353-2: Requisitos dos dispositivos deslizantes em linhas de ancoragem flexíveis.
  • UNE EN 354: Regula os testes, requisitos e marcação dos elementos de amarração.

A regulamentação das linhas de vida

Os sistemas de linhas de vida são regulados por uma norma fundamental, a UNE 795, que estabelece os diferentes tipos de linhas existentes, requisitos para as ancoragens e a resistência mínima necessária para serem homologados.

Esta é uma das normas mais importantes a serem consideradas em conjunto com a UNE EN 795 B, C e D. A norma 795 especifica, portanto, os requisitos, métodos de teste, instruções e marcação dos dispositivos de ancoragem que serão utilizados com Equipamentos de Proteção Individual contra quedas de altura.

O requisito essencial é que todos os pontos de ancoragem, fixos ou portáteis, devem ser projetados para que, uma vez conectados a um Equipamento de Proteção Individual, não possam ser desconectados involuntariamente.

Além disso, existem outras regras que se referem aos arneses antiqueda, sistemas antiqueda para trabalhos em altura, cintos de suporte e retenção, etc.

Regulamento das linhas de vida verticais

As linhas de vida verticais são sistemas antiqueda compostos por um cabo, trilho ou corda, aos quais se amarram por meio de um “dispositivo deslizante antiqueda” ou carro, proporcionando proteção contra deslocamentos verticais que envolvem riscos de queda em torres, edifícios, etc.

Esse tipo de linha de vida é regulamentado pelas normas EN 353-1 e EN 353-2. As linhas verticais compostas por trilhos de ancoragem são regulamentadas pela EN 353-1, enquanto as de corda são regulamentadas pela EN 353-2. As linhas de vida com cabo de aço, por sua vez, podem ser rígidas ou flexíveis.

2006/EC/42:2006 Esta diretiva especifica características de segurança para máquinas, com o Anexo IV referente a equipamentos de elevação. Todos os produtos de acesso em altura instalados pela Lasser estão em conformidade com esta diretiva.

EN 1808:2015 Este padrão estabelece requisitos de segurança para equipamentos de acesso suspenso, aplicável tanto a equipamentos permanentes quanto temporários operados manualmente ou com alimentação elétrica. Os monotrilhos e cestas instalados pela Lasser estão em conformidade com este padrão.

EN 60204-1:2006 Esta norma orienta sobre a segurança no uso de equipamentos elétricos para máquinas, abrangendo requisitos de segurança para equipamentos elétricos, eletrônicos e controlados por computador, excluindo os circuitos de alimentação nos quais a eletricidade é usada diretamente como ferramenta de trabalho.

Também é considerado EPI, portanto, está sujeito continuamente à regulamentação de todos os EPIs (2016/425), devendo ostentar a marcação CE. Essas linhas devem dispor de um sistema que absorva a energia.

Instalación de líneas de vida
Catálogo Líneas de Vida LUXTOP

Normas para linhas de vida horizontais

As linhas de vida horizontais são sistemas antiquedas que protegem deslocamentos horizontais nos quais há risco de queda para diferentes níveis. Um risco que, além disso, não pode ser suficientemente protegido por meios de proteção coletivos.

Dentro do grupo de linhas de vida, as linhas de vida horizontais são consideradas dispositivos de ancoragem nos quais dispositivos antiqueda podem ser conectados.

EN 795:2012

Aqui estão os requisitos técnicos para dispositivos de ancoragem antiqueda horizontais (até 15°). A EN 795 distingue cinco tipos de dispositivos de ancoragem, de A a E.

  • O Tipo A refere-se a ancoragens simples.
  • O Tipo B refere-se a ancoragens temporárias e transportáveis.
  • O Tipo C refere-se a sistemas flexíveis horizontais, como linhas de vida de cabo.
  • O Tipo D refere-se a sistemas rígidos, geralmente sistemas de trilhos.
  • O Tipo E refere-se a sistemas temporários estabilizados com contrapesos. Esta normativa contempla apenas o uso por parte de um único operador.

Se as linhas de vida horizontais forem para mais de uma pessoa, devem estar marcadas com a especificação CEN/TS 16415:2013.

As linhas de vida temporais

Las líneas de vida provisionales son de instalación ocasional, ya que no requieren que su sistema permanezca allí. Se usan para que los trabajadores se aseguren a las mismas y se pueden instalar en planos horizontales, verticales e inclinados.

Este dispositivo de protección individual protege ante las caídas más comunes, aquellas tareas que pueden registrar mayor cantidad de incidentes. Son líneas de vida transportables y vienen reguladas en la CE UNE-EN 795b, y deben cumplir con la normativa EN 353-2.

A importância da instalação de linhas de vida

De maneira geral, as linhas de vida foram instaladas em locais que exigiam trabalho em altura e que não dispunham de proteção de um sistema coletivo, seja gradeamento, andaimes, gaiolas…

À medida que a cultura de prevenção se consolidou na Espanha, a legislação também tem impulsionado uma regulamentação mais ampla e eficaz das instalações de linhas de vida de alta qualidade e quando são necessárias.

Tudo relacionado aos seus componentes, como pontos de ancoragem, linhas de ancoragem rígidas ou elementos de dissipação de energia, bem como seu uso e a estrutura onde o sistema será conectado, o próprio trabalhador, etc., deve ser observado e cuidado com detalhes.

Apenas profissionais qualificados para isso, com a garantia dos melhores fabricantes, podem instalar e certificar uma linha de vida de acordo com as exigências legais.

Seja para instalar uma linha de vida horizontal, o serviço mais demandado, ou vertical, na Luxtop temos uma vasta experiência na fabricação desses sistemas, oferecendo uma variedade de sistemas de segurança para trabalhos em altura adaptados a qualquer superfície, como coberturas. Se desejar mais informações, não hesite em entrar em contato conosco.

Orçamento Linhas de Vida LuxTop

    CURSOS Y CERTIFICADOS

    CURSO ONLINE PARA INSTALADORES DE LÍNEAS DE VIDA LUXTOP

    Esta formación te acreditará para la instalación, certificación y mantenimiento de las líneas de vida LUXTOP.

    Amplía tu negocio sumándote a nuestra exclusiva red de instaladores.

    Este sitio web utiliza cookies para que usted tenga la mejor experiencia de usuario. Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de las mencionadas cookies y la aceptación de nuestra política de cookies, pinche el enlace para mayor información.

    ACEPTAR
    Aviso de cookies